Notícias Associadas

Cemig é líder em transparência na avaliação de gases de efeito estufa

15/05/2013
Fonte: Cemig 

A Companhia Energética de Minas Gerais – Cemig obteve o primeiro lugar no Environmental Tracking (ET) Carbon Ranking Brics 300, ranking que avalia a quantificação, pelas empresas dos países emergentes, de emissões de gases de efeito estufa e a transparência dada à divulgação dos dados. Por essa conquista, a Concessionária recebeu, também, o ET Carbon Ranking Leader Award, premiação que reconhece a sua liderança nessa área e reforça o compromisso público da Cemig em desenvolver ações relacionadas à sustentabilidade.

O ET Carbon Ranking BRICS 300, desenvolvido anualmente pela consultoria britânica Environmental Investment Organisation, elencou, em 2013, as 300 melhores empresas dos Brics (Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul) em relação a suas emissões de gases de efeito estufa e à transparência e divulgação dos dados.

A metodologia classifica as empresas, primeiramente, de acordo com o nível de informações disponíveis publicamente em relação às emissões dos gases causadores do efeito estufa. Posteriormente, as companhias são avaliadas conforme sua intensidade de emissões.

Três empresas brasileiras ficaram entre as dez primeiras no ranking de transparência: além da Cemig, foram listadas a Bolsa de Valores de São Paulo (BM&Bovespa), em sétimo, e a Natura, na nona posição. China e Índia, com três companhias, cada, e África do Sul, com uma empresa, completam o top 10 do ranking.  Com relação à intensidade das emissões, a Cemig apresentou um resultado 24% inferior ao do segundo colocado no ranking.

O estudo da Environmental Investment Organisation apontou, ainda, que boa parte das grandes empresas não informam, de forma transparente, os valores referentes às emissões dos gases que causam o efeito estufa. Neste ano, foram elaborados seis rankings e, das 1,3 mil corporações analisadas, apenas 37% cumprem os requisitos.

De acordo com a instituição, “na medida em que o mundo se coloca em um momento em que o ideal é emitir o menor índice possível de gás carbônico, é extremamente importante que tenhamos acesso a um banco de dados de emissões de gases que causam efeito estufa  que tenha coerência e seja confiável”, afirma o relatório.

Reconhecimento

A Cemig é uma referência na economia global sendo reconhecida por sua atuação sustentável. Há 13 anos consecutivos, faz parte do Índice Dow Jones de Sustentabilidade (DJSI World), mantendo-se como a única empresa do setor elétrico da América Latina a integrar esse índice desde a sua criação, em 1999. A Cemig, também, foi selecionada, no ano passado, pela oitava vez consecutiva para compor a carteira do Índice de Sustentabilidade Empresarial (ISE) da Bolsa de Valores de São Paulo (BM&FBovespa). Destaca-se, ainda, a participação da Companhia, pela terceira vez consecutiva, a carteira do Índice Carbono Eficiente (ICO2), da BM&FBovespa/BNDES.

Em janeiro deste ano, a Cemig foi eleita a  43º empresa mais sustentável do mundo, na nona edição do ranking Annual Global 100, da revista canadense Corporate Knights. No setor de utilities, que engloba as companhias de energia elétrica, gás e saneamento, a Cemig foi considerada a quarta empresa mais sustentável do mundo. Já em fevereiro, a Empresa foi selecionada para integrar a primeira carteira do Índice Dow Jones de Mercados Emergentes.



[ topo ]